05/11/2023 às 09h14min - Atualizada em 05/11/2023 às 09h14min

Procon e ANS capacitam servidores para atender demandas de planos de saúde

- NaHoraNews
Agencia De Noticias
Divulgação

Equipes do Procon/MS (Secretaria-Executiva de Orientação e Defesa do Consumidor), instituição vinculada à Sead (Secretaria de Estado de Assistência Social e dos Direitos Humanos), vão ser capacitadas para o atendimento de demandas de planos de saúde.

O evento, promovido em parceria com a ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar), ocorre nos dias 6 e 7 de novembro, em Campo Grande. A Capital é uma das doze cidades escolhidas para atualizar atendentes de Procons sobre as regras do setor e auxiliá-los no esclarecimento de dúvidas dos consumidores.

“Esta parceria inédita é muito importante para aprimorar os procedimentos e, principalmente, melhor orientar os consumidores, elevando assim o grau de resolutividade dos casos”, pontua o secretário-executivo do Procon/MS, Antonio José Angelo Motti.

Para a diretora de fiscalização da ANS, Eliane Medeiros, esta também é uma forma de tornar acessíveis as informações sobre saúde suplementar e estreitar a parceria com os órgãos de defesa do consumidor.

Servidores do Procon/MS e da ANS, no dia 7 de novembro, vão esclarecer dúvidas e registrar problemas de consumidores sobre seus planos de saúde. O atendimento com suporte de técnicos da agência de saúde suplementar ocorrerá das 9h às 15h, na Rua 13 de Junho, 930, Centro.

Indicadores do setor

Dados da ANS, em agosto, apontavam para a existência de 669.465 beneficiários de planos de saúde em Mato Grosso do Sul. Somente em Campo Grande são 275.117 pessoas com o serviço contratado, ou seja, 41,09% do total do Estado.

Em sua maioria os contratos são coletivos, ou seja, quando o processo é intermediado junto a operadora do plano por uma pessoa jurídica como empresa, sindicato ou associação, em prol das pessoas que dela façam parte. Há, em alguns casos, a possibilidade de incluir dependentes.

Principais demandas

Os sul-mato-grossenses registraram na ANS, de janeiro a agosto, 172 reclamações (38,22%), 160 questionamentos sobre cobertura (35,56%) e 106 pedidos de informação (23,56%).

Também foram formalizadas, no período de janeiro a outubro, 98 reclamações pelos canais de atendimento do Procon/MS. Destes, 63 registros relativos a cobrança/ contestação (64,29%), 20 sobre contrato/oferta (20,41%) e 7 por vício de qualidade (7,14%).

Informações e reclamações

Recomenda-se que o consumidor registre sua demanda junto a operadora de saúde e obtenha um número de protocolo. Havendo negativa ou impedimento de acesso é possível recorrer ao Disque ANS 0800-701-9656 (de segunda à sexta das 8h às 20h, exceto feriados), bem como um formulário de dúvidas e reclamações online.

O Procon/MS, por sua vez, está disponível por meio de formulário de reclamação no site, pelo Disque Denúncia 151 e atendimento presencial em quatro endereços na Capital.
Kleber Clajus, Procon-MS


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://nahoranews.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Na Hora News,A Notícia na Hora que os Fatos Acontecem
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp