Prova de vida já pode ser feita pelo telefone celular

0
132

A partir de agora, o cidadão não precisa mais ir ao órgão para liberar a emissão de CRLV pelo app Detran Digital

O Departamento de Trânsito do Distrito Federal (Detran-DF) colocou à disposição do cidadão uma nova funcionalidade no aplicativo Detran Digital. A partir de agora, o usuário não precisa comparecer presencialmente em um posto de atendimento para realizar a prova de vida. Esta opção está disponível no próprio app. O modelo adotado é tão seguro quanto o presencial e foi resultado do trabalho da Diretoria de Tecnologia e Comunicação (Dirtec) do órgão.

O objetivo é oferecer facilidade e agilidade na prestação de serviços da autarquia, principalmente com o início da fiscalização do licenciamento anual no Distrito Federal.

Para ter acesso aos serviços do aplicativo, o primeiro passo é informar o CPF. Caso o CPF esteja cadastrado na base de dados do Detran, o usuário deverá responder a um conjunto de perguntas aleatórias para verificar a primeira camada de autenticação. Será solicitada a atualização dos dados pessoais e o cadastro de um e-mail, que é uma das chaves de acesso.

Em seguida, o próprio aplicativo oferecerá a opção para que o usuário utilize a câmera do celular para fazer o registro de três fotografias da face: uma de frente, outra do perfil esquerdo e outra do perfil direito. Tudo será armazenado no banco de dados do Detran e uma equipe vai avaliar o cadastro e liberar o acesso em até 48h. Com o acesso liberado, o cidadão receberá no e-mail um link para cadastrar uma senha e acessar os serviços do Detran Digital (aplicativo e portal).

Para o diretor-geral do Detran, Zélio Maia, a tecnologia é uma grande aliada, ainda mais neste momento de pandemia: “Por enquanto, todas as informações e registros fotográficos estão sendo checados por uma equipe de técnica, mas, até o final do ano, todo este processo será feito por meio de inteligência artificial. A ideia é modernizar o atendimento ao público da autarquia com recursos tecnológicos avançados, no menor espaço de tempo possível, afirmou Zélio”.

 

O diretor de Tecnologia do Departamento, Fábio Souza, comemora a evolução do Detran Digital: “Inicialmente, a prova de vida foi feita presencialmente, agora pode ser feita diretamente no aplicativo, então o cidadão não precisa mais se dirigir ao balcão. Mas se ainda assim, ele preferir ir a um posto, poderá agendar previamente o atendimento no site e realizar o serviço nas unidades. A escolha agora é dele”, destacou Fábio.

 

*Com informações do Detran-DF

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui